[Tiago Lopes] 7 DIFICULDADES de morar SOZINHO em SÃO PAULO - [Tiago Lopes]
Home / Dicas /

7 DIFICULDADES de morar SOZINHO em SÃO PAULO

7 DIFICULDADES de morar SOZINHO em SÃO PAULO

7 obstáculos que você enfrenta morando sozinho

Um pouco sobre minhas experiência pessoal

Eu quero ter liberdade, mas custa caro. Posso me sentir sozinho, mas quero amadurecer. Será que eu vou dar conta? Isso era o que eu pensava antes de morar sozinho, e agora eu vou dividir com você o que eu penso, pois já tem mais de década que eu moro sozinho. No post anterior eu te mostrei dicas de como conseguir um lar em São Paulo, mas e se você conseguiu, e agora? Qual é o próximo passo? Neste post eu vou te mostrar o lado bom e o lado ruim de cuidar de um lar sozinho.

Era uma opção pra mim ficar no conforto da casa dos meus pais, mas eu iria me sentir frustrado pelo resto da vida, porque eu precisava sair, explorar e viver a minha vida, então eu me encorajei a arriscar, e se não desse certo eu voltava. Eu fui morar sozinho depois de ter morado com outras pessoas, eu saí de casa, e comecei dividindo apartamento em república, o que é legal por um tempo.

 

 Eu juntei vários destaques com base na minha experiências de vida morando sozinho, e com o resumo de tudo eu fiz essa lista:

 

 

1- Juntar Dinheiro

Um assunto muito difícil de falar é sobre dinheiro, porque sim, você precisa de dinheiro, 10 reais não é o suficiente, 50 reais não dá, 100 reais vai embora voando. Eu não estou aqui pra tirar sua motivação, pelo contrário, estou aqui para mostrar que é viável e a principal coisa que você deve fazer é começar a juntar dinheiro. Porque é necessário um planejamento antes de tomar uma séria decisão como essa, e tomar essa atitude pode não ser tão rápido quanto você imagina, o que pode levar tempo as vezes pode gerar alguma frustração, mas é aí o ponto onde você não deve desistir, se planeje crie metas e claro GUARDE DINHEIRO

 

2- Custos Fixos

Morando sozinho tenho muitas despesas que são fixas, que não mudam, ou seja todo mês tem que pagar aquela quantia, seja internet (não tem como ficar sem) Netflix, Spotify, Celular, Água, Luz e Condomínio que são gastos mensais.  E se você tem que pagar aluguel, é mais um gasto mensal muito alto, e aluguel em São Paulo não é uma coisa barata. Lógico se você morar mais longe do metrô ou em um bairro mais afastado o preço é mais barato e quanto mais próximo do metrô pode ficar mais caro, eu expliquei tudo isso no último post. (link  na frase “último post”) 

 

3- Despesas Constantes

Existem gastos que não são mensais, são semanais ou gastos diários. Supermercado você sempre vai precisar de alguma coisa, hoje em dia a gente não vai e faz uma única grande compra no mês a gente vai e faz as compras da semana ou às vezes a gente faz as compras do dia, a gente compra pra dois, ou três dias e depois compra tudo de novo, até para conseguir comprar fresquinho também, e não ficar perdendo coisa na geladeira. Óbvio que já aconteceu de eu querer comer alguma coisa de madrugada e eu abrir a geladeira e não tem, mas é normal e tá tudo bem.

Às vezes você quer algo rápido e pronto, eu não sabia cozinhar mas a gente aprende, cozinhar é bom porque você faz o seu alimento, você sabe cada ingrediente que está ali você sabe que você pôs, a quantidade de gordura que tem, a quantidade de sal que você colocou, sempre que puder o melhor é fazer sua própria comida, pois assim você se alimenta melhor. É muito importante aprender a cozinhar porque você acaba economizando dinheiro, por exemplo ao invés de ir na padaria comer um pão na chapa e um café já que o preço é bem alto, dá para você fazer um super café na sua casa.


Existem as famosas tarefas diárias que você precisa fazer, não necessariamente todos os dias, mas toda semana você sempre está fazendo isso como: Lavar Roupa, Limpar a Casa, Lavar o Banheiro etc. Até porque em São Paulo tem muita poeira devido a poluição, então você precisa limpar essa poeira. Então você gastará dinheiro com produtos de limpeza o que se encaixa nos gastos semanais.

 

 

 

5 – Solidão

Um dos maiores medos que eu tinha de morar sozinho era a solidão.  Para quem está de fora acha que a pessoa que está sozinho está sofrendo, mas não é bem assim não, existe a Solidão e a Solitude são duas coisas completamente diferentes.A solidão é quando você sempre se sente sozinho, você pode estar no meio de muitas pessoas tem contato com todo mundo e ainda assim se sentir sozinho se sentindo mal.

dificuldades de morar sozinho


Já a Solitude é quando você tem o prazer de estar só, quando você se sente bem em estar só, quando você tem um momento de paz consigo mesmo. Eu por exemplo por mais que tivesse muitos rolês para fazer em São Paulo de graça, teve momentos em que me senti sozinho, eu ficava triste de estar na solidão só que eu senti, e aceitei esse momento porque quando você enfrenta esse momento sozinho aquele bicho papão que você achava que era gigante vai ficando menor e menor até que você vive em um estado de Solitude. Essa foi a minha vivência não necessariamente é o que vai acontecer com você.

Isso é um processo individual, você tem que se conhecer e aos poucos você vai conseguir quebrando esse medo foi assim que eu venci os meus medos. Em muitos momentos que eu estava sozinho e eu ficava pensando o que que eu vou fazer agora, não tem nada para fazer a casa, está tudo ok, não estou com paciência de fazer isso, aquilo e foi aí que eu comecei a criar meus projetos pessoais, foi aí que surgiu o YouTube foi aí que você surgiu a ideia de um projeto de humor solo que eu quero fazer.


6- Kit Primeiros Socorros

Uma coisa que é muito importante que eu tenho que ter sempre em casa é um kit de primeiros socorros, para quem mora sozinho você precisa de alguns remédios básicos que você tem que ter para situações de emergências tipo Dipirona, Sal de Fruta, remédio para Dor de Cabeça entre outros. Você provavelmente vai precisar em algum momento, Já que quando se mora sozinho você tem que se virar e cuidar da Casa, do Trabalho, inclusive da sua Saúde. 


7- Organizar a Casa

Quando você muda tem muita coisa para fazer, você tem que arrumar a casa inteira e depois que você arruma ainda não acabou. Cada dia você vai colocando um objeto, deixando isso para lá ou para cá, é uma eterna arrumação, isso é legal porque tem momentos que você tá mais de um estilo e você quer de um jeito, depois você mudou de ideia e não quer mais nada daquilo, aí você muda o ambiente. A casa sempre precisa dar uma evoluída, uma melhorada. Existem coisas que acabam dentro de casa quando você tá morando sozinho que você nunca se deu conta, por exemplo se você não tem um filtro de água a água pode acabar, papel higiênico quando acaba você nunca sabe o que vai fazer você pega guardanapo hahah.

+1 Manter a Organização  

Parece bobagem falar sobre bagunça mas isso acontece, a gente tem que estar com as coisas organizadas, estar com tudo no lugar, se eu tiro do lugar, e uso, depois é só voltar para o lugar de origem, assim eu não preciso arrumar aquilo, isso economiza um tempão na vida da gente, bagunçar gasta mais tempo do que organizar. Eu sei que é fácil falar, e difícil fazer, mas tenta, sua mãe me agradece.

Este vídeo fala um pouco mais sobre tudo que falamos aqui!

Morar sozinho não é fácil, mas sempre vale a pena, o importante é aproveitar.

Se identificou também com as dificuldades? Espero que tenha gostado.

Até o próximo post! Fica na paz.

Tiago Lopes

Share this article

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *